História Motocross

No final do século retrasado, na década de 1890, foi criada uma modalidade esportiva sobre motos que viria a ser chamada de Motocross no século seguinte e que até os dias de hoje surpreende por suas manobras perigosas e que exigem grande equilíbrio e força. Para quem não conhece essa modalidade é realizada sobre motocicletas preparadas especialmente para o esporte que é realizado fora das estradas.

Dentro da prática de Motocross podemos destacar algumas categorias como: Enduro, Trial e Arenacross que tem em comum o fato de suas pistas serem em terrenos que apresentam uma série de desníveis e dificuldades. As provas de Motocross podem tanto se valer de uma avaliação individual do piloto como uma disputa em estilo corrida em que o primeiro a chegar é o campeão.

Sendo um esporte que envolve uma série de riscos devido às manobras audaciosas e o terreno desnivelado possui motocicletas exclusivas para essa prática. No mercado algumas marcas como a Kawasaki, Susuki, Honda e Yamaha se destacam por seus modelos profissionais e patrocínio de eventos. Se hoje conhecemos as disputas de Motocross pelas motocicletas poderosas como será que era no início? Saiba mais sobre a história do Motocross.

Motocross – Como Surgiu?

O esporte nasceu na Inglaterra no final da década de 1890 quando era comum motos circulando pelo campo. Usando as motos para deslocamento muitos dos moradores de regiões rurais inglesas atravessavam terrenos difíceis e seguiam pelo leito de rios inspirando sem saber o nascimento de um esporte de aventura e contato com a natureza.

Ficou registrado na história do Motocross que a primeira competição oficial foi realizada no dia 29 de novembro de 1897 em Surrey, subúrbio de Londres. Nessa época a modalidade era chamada de Motorcycle Scrambles – algo como Subidas de Motocicletas. Depois dessa competição os ingleses, que haviam gostado muito da novidade, criaram outra competição realizada num circuito fechado que era composto de descidas, subidas, obstáculos, barrancos e curvas.

O nome da modalidade passou a ser apenas Scrambles (subidas) e com o passar dos anos acabou chegando a países como Bélgica e Holanda em que recebeu a denominação Motocross por volta da década de 1920. O esporte levou muito tempo para ser reconhecido como uma modalidade sendo que a primeira competição internacional aconteceu somente no ano de 1939 na França e foi somente em 1957 que o Motocross teve a sua primeira competição mundial organizada pela Federação Internacional de Motociclismo (organização fundada em 1904).

Motocicletas de Motocross

Ao assistir uma prova de Motocross nos deparamos com uma série de motos diferentes e potentes das principais marcas do mercado, no entanto, nem sempre foi assim. No início da prática da modalidade as motos usadas eram derivações de motos de turismo inglesas. Os esportistas tinham dificuldade de conduzir a moto porque ela era uma máquina pesada e sem agilidade. Conforme registros históricos foi um motociclista inglês o primeiro a construir uma moto específica para a modalidade.

A Chegada do Motocross no Brasil

A Europa assistiu ao nascimento da modalidade praticamente em paralelo ao surgimento da motocicleta. No Brasil as coisas demoraram um pouco mais para acontecer. Nas décadas de 1940 e 1950 existia movimentos sem grande expressão de alguns motociclistas que praticavam saltos e manobras em terrenos fora da estrada, até porque quase não tínhamos estradas pavimentadas.

Porém, não eram realizadas competições e nem se tinha conhecimento acerca de Motocross. Foi Ernesto Ricardo Buik (conhecido como ‘Avestruz’), militar reformado, que tomou conhecimento da modalidade no exterior no final da década de 1960 e tentou difundi-la no estado do Paraná onde trabalhava na construção de estradas. Seus esforços não iam para frente até que em 1971 Rubens Kurt Hermann assumiu o Conselho Técnico de Motociclismo do Paraná.

Os dois juntos conseguiram o apoio necessário para construir a primeira pista de Motocross do país que ficava situada num bairro chamado São Brás na cidade de Curitiba. A primeira prova da modalidade foi realizada no dia 11 de junho de 1971 e atraiu mais inscritos do que os organizadores esperavam. Curiosamente o vencedor da competição foi Denísio Casarini que se inscreveu somente para divulgar a empresa fabricante de motocicleta Yamaha na qual trabalhava, essa foi a sua segunda competição.

Primeira Prova Oficial

A prova realizada em Curitiba entrou para a história como não-oficial de maneira que nos autos consta que a primeira competição oficial de Motocross do Brasil foi realizada na cidade de Itanhaém no estado de São Paulo no dia 13 de fevereiro de 1972. Essa competição teve público de 3 mil pessoas e contou com a participação de 13 pilotos. Foram realizadas 03 baterias tendo as duas primeiras 4 voltas e a última 6 voltas num circuito com 1.200 metros.

O local escolhido para a competição era bastante acidentado, um morro que fica próximo a praia. Os competidores deviam subir uma ladeira íngreme e então saltar no ar passando por uma série de lombadas. O vencedor das 03 baterias foi Walter ‘Tucano’ Barchi que participou com uma moto da Yamaha.

Primeiro Estrangeiro a Competir no Brasil

O primeiro competidor estrangeiro de Motocross que participou de uma prova no Brasil foi o uruguaio Roque Colman no ano de 1973. Colman que já passou da marca dos 70 anos ainda mora em nosso país e pratica Motocross.

Motocross Atualmente

No último século o esporte teve grandes ganhos com a tecnologia como sua aliada. Os pilotos de Motocross tem mais segurança para competir e contam com motos mais resistentes e potentes. Trata-se de uma prática bastante profissional que combina uma dose de esporte radical com muito de tecnologia.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Motos

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *