Limpeza da Injeção Eletrônica

Nos dias atuais grande parte dos veículos sai de fábrica com o poder de injeção eletrônica. Em unidades automotivas que funcionam com base no etanol a presença do acessório ajuda de forma principal a ligar o veículo em temperaturas frias, conforme indica parte dos especialistas.

Não se pode ignorar o fato de que esse tipo de limpeza apenas pode acontecer quando o carro começar a demonstrar problemas com a partida. Nesse sentido, não se deve limpar de forma constante, sem a necessidade, o que pode prejudicar o sistema de forma considerável. Quem não conhece nada sobre sistema de injeção eletrônica precisa encaminhar o veículo para oficinas que são especialistas em corrigir esse tipo de problema. Leva a estabelecimento de confiança ou peça conselhos a amigos em termos de indicação.

Problemas Informativos

Embora esteja presente em parte dos veículos que estão em circulação no trânsito, se pode dizer que a falta de informação representa realidade entre o público em geral. Por causa do nível complexo que existe no sistema são poucas as pessoas que compreendem a sistemática. Em termos práticos, existem motoristas que não imaginam existir a necessidade de limpar a injeção eletrônica e a carência de esclarecimento auxilia de forma direta para aumentar o nível de problema da peça automotiva.

Há inclusive manuais de proprietários que não trazem esse tipo de conteúdo informativo e por consequência prejudica na manutenção realizada no veículo. De fato, quando não existe conteúdo informativo a explicitar o momento de realizar o procedimento o quadro em geral sofre danos e por consequência, motoristas precisam pagar maiores valores para trocar a injeção eletrônica.

Limpar Apenas Depois do Diagnóstico

Por esse motivo existe importância fundamental em manter o contato com mecânicos especialistas e de confiança para saber qual o momento exato de realizar limpeza na injeção eletrônica. Nesse sentido também existe a certeza que o trabalhador especialista vai realizar o procedimento de forma correta, com os equipamentos certos para averiguar a existência de problemáticas antes de fazer qualquer espécie de reparo em termos automotivos. Dessa maneira existe maior segurança ao que tange não apenas no procedimento como também no diagnóstico em geral.

De acordo com a opinião do público especialista esse tipo de limpeza apenas pode acontecer quando acontecer o diagnóstico prévio que evidência esse tipo de necessidade. Ao usar o instrumento correto para saber quais os principais tipos de anomalias existe a melhor necessidade de conhecer quais as causas e por consequência fazer a limpeza. Por vezes os bicos injetores podem estar com problemas, ou mesmo existirem problemáticas no sistema de vazão.

Não se pode ignorar o fato de que o sistema de injeção está composto por diversos equipamentos e por vezes não funciona apenas por causa da falta de regulagem no que tange ao sistema de combustível que não consegue acessar o equipamento e em consequência acontecem problemáticas no momento de realizar a partida.

Vale ressaltar que a injeção eletrônica tem a responsabilidade de regular o nível de combustível de acordo com a quantidade de ar que se admite. Ao fazer o trabalho sem problemas acontece a perfeição no relacionamento entre os pontos. De qualquer maneira, ao ser relacionar com problemáticas na injeção fique de olho com o nível de equilíbrio que existe na mistura composta entre ar e combustível, fato que garante não apenas a queda no nível de enviar poluentes à atmosfera como também em proporcionar maior nível de economia em termos de combustível.

Necessidade de Fazer a Manutenção: Injeção Eletrônica

Existem diversos problemas que podem evidenciar a necessidade ou não do carro ter que fazer a limpeza na injeção eletrônica. Entre as principais problemáticas vale ressaltar a questão da dificuldade para realizar a partida, o que pode acontecer no meio de trânsito e prejudicar o fluxo de forma direta. Outro tipo de problema que pode ser considerado se encontra com nas problemáticas que existem em termos de queda na aceleração.

Quando a marcha-lenta se encontra de forma irregular também existem problemas a se considerar que se relacionam com a questão de falta de limpeza na injeção eletrônica. Ou seja, ao trafegar com lentidão e ao mesmo tempo acontecer aumento de consumo em termos de combustível é sinal de problema na injeção eletrônica.

Em termos práticos aos primeiros sinais de problemas as oficinas especialistas precisam ser consultadas no sentido de chegar o sistema e saber se existe a necessidade de limpeza dos componentes que fazem parte da injeção eletrônica ou mesmo a necessidade de substituir a peça. Analistas realizam testes de forma constante no sentido de identificar os problemas e ao mesmo tempo indicar qual o tipo de solução que precisa ser executada no sentido de evitar problemas no trânsito aos motoristas.

De forma prática, motoristas precisam ficar com a atenção ressaltada no sentido de identificar situações que representam alteração no sistema de injeção eletrônica. Um dos principais problemas que podem danificar o sistema de injeção eletrônica consiste no fato de abastecer com etanol ou gasolina que estão adulterados, fato que infelizmente por acontecer nos postos brasileiros;

Outro ponto a se considerar em termos de manutenção preventiva consiste no fato de jamais se esquecer de fazer a manutenção em termos preventivos. Por exemplo, quem não realiza a substituição dos óleos de acordo com as informações prescritas de acordo com o fabricante pode ter problemas na injeção eletrônica em termos futuros. De forma prática os coletores de admissão precisam dos vapores que são gerados no óleo e fazem a queima na estrutura de motorização.

Ao levar em conta o ponto de vista, quando os óleos não são trocados de acordo com os prazos especificados por fabricantes e manuais de motoristas podem acontecer resíduos em diversos pontos que existem na estrutura de motorização. Fique de olho também na qualidade que existe nos bicos que servem para fazer o trabalho injetor.

Em termos práticos usar combustível com qualidade representa indicação a se considerar para evitar com que aconteçam problemáticas em termos de injeção eletrônica, conforme indica grande parte dos especialistas na área.

Artigo Escrito por Renato Duarte Plantier

 

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Mecânica

Artigos Recentes

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • muita boas essas explicações, estão tirando todas as nossas duvida. valeu!obrigado

    jose francisco dos santos neto 4 de março de 2016 13:53
  • Que ótimo que as explicações estão úteis, Francisco! Obrigada e volte sempre =)

    Clara Senne 16 de março de 2016 12:43

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *